Aguarde, carregando...

BOAS NOTICIAS: Após corrente na web, mãe do menino Chico consegue arrecadar R$ 96 mil para despesas durante tratamento contra o câncer

Vaquinha online foi lançada após #ForçaChico mobilizar internautas de todo o país. História causou comoção depois que a mãe, Camila Abreu, publicou um vídeo raspando a cabeça do filho.

Por GILVAN BALBINO CALÇADOS

06/07/2021 08:18h

Uma vaquinha lançada na internet conseguiu arrecadar mais de R$ 96,8 mil para ajudar nas despesas com o tratamento do menino Chico, que luta contra uma leucemia. A história do garoto, de 6 anos, causou uma onda de solidariedade na semana passada. A #ForçaChico ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter, após a mãe, Camila Abreu, publicar um vídeo emocionante raspando o cabelo do filho.

Francisco Teixeira Cabral e a mãe Camila Abreu moram em Porto Nacional, região central do Tocantins, mas estão em Barretos (SP), onde o garoto faz tratamento contra o câncer.

Nas redes sociais, Camila celebrou. "A vaquinha foi um sucesso graças a solidariedade de vocês! Quando meus amigos tiveram a ideia de iniciar essa vaquinha on-line a gente não imaginava a repercussão positiva que ia ter. Nenhuma palavra que eu use será capaz de resumir tamanha gratidão que tenho por todos vocês".

Camila agradeceu o apoio financeiro, as orações e pensamentos positivos. Disse que a vaquinha foi encerrada, com o total de R$ 96.815,67 arrecadados. A meta era de R$ 50 mil, por causa disso, o valor excedente será doado para uma ONG.
"A nossa meta era de 50.000 reais para que pudéssemos suprir nossas necessidades aqui em Barretos por 2 anos, então como houve um valor excedente, acho justo que todo o valor excedente seja doado para que outras crianças com câncer também se beneficiem desse ato de amor que vocês tiveram".

Ela disse que ainda escolherá qual ONG receberá o valor e, posteriormente, informará aos internautas o nome da instituição e o valor doado.
O tratamento no Hospital do Amor, em Barretos, é gratuito. O dinheiro arrecadado ajudará nas despesas de alimentação, transporte e na compra de medicamentos.

#ForçaChico
 
Na noite do dia 28 de junho, Camila publicou um vídeo, que emocionou mais de 1,4 milhão de internautas. As imagens mostram o momento em que ela raspa o cabelo do filho e chora. Em poucas horas "Força Chico" virou um dos assuntos mais comentados do Twitter.

Nas imagens, a mãe diz que está sem coragem de raspar o cabelo do filho e pergunta "você vai ficar tranquilo?". Ele responde: '"Sim".

Chico demonstra medo no início, mas logo responde: "É tranquilo, mãe". Camila começa a chorar e o garotinho pergunta o motivo. A força da criança impressiona: "O que foi mãe? É gente, a minha mãe é assim mesmo, ela chora por tudo", diz.
Em lágrimas pelo exemplo de otimismo do filho, Camila elogia: "Tá lindo". Francisco então percebe a emoção, brinca com a mãe e ganha um beijo. Ao final, Francisco esboça um sorriso.

BOAS NOTICIAS: Após corrente na web, mãe do menino Chico consegue arrecadar R$ 96 mil para despesas durante tratamento contra o câncer

Francisco, de 6 anos, faz tratamento contra leucemia no Hospital de Amor em Barretos (SP) — Foto: Reprodução/Redes sociais
 

O tratamento
 
O tratamento de Chico começou em 7 de maio, depois da transferência dele em uma UTI aérea. Camila tinha acabado de concluir um tratamento de câncer quando descobriu que o filho estava com leucemia. Ela relata que foi diagnosticada com um tumor benigno agressivo no braço esquerdo, também ficou internada no Hospital de Barretos e em março passou por cirurgia.
No dia 2 de junho, ela fez um vídeo para explicar a situação.

"Em março, eu fiz minha cirurgia, aqui no braço esquerdo era um tumor benigno, agressivo, quase amputei o braço. Coloquei uma prótese e está perfeitinho. Estou curada. Em março, me livrei disso e em abril, o Francisco foi diagnosticado com leucemia. Não teve intervalo para eu respirar. Lógico que a gente fica desesperada, mas me mantive confiante, porque eu sabia que iria dar tudo certo. Francisco está maravilhoso, está respondendo bem ao tratamento, está dando tudo certo e sei que ele vai ficar curado logo. Sei que a gente vai passar por muita coisa ainda", disse.

Apesar da saudade de casa, em alguns momentos o menino se diverte. Camila conta que ele sempre quis conhecer o hospital em que ela fez tratamento.(g1)