Aguarde, carregando...

Prefeito Djalma Júnior elogia atitude do Governador Mauro Carlesse renovar contratos dos servidores da educação

Por Luís Poeta

18/05/2021 04:12h

O Prefeito Djalma Júnior (PSC) parabenizou a iniciativa do Governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse de determinar nesta quarta-feira, 28, que os profissionais da Educação que atuaram no ano de 2020, em regime de contrato temporário, tenham seus vínculos renovados com o Estado para continuarem em atividade no ano letivo de 2021.

O Prefeito Djalma Júnior destacou que “foi uma sábia atitude de preservar os empregos das pessoas que estão trabalhando e que o papel do gestor é gerar novas oportunidades, independentemente de votos, todas as pessoas possuem, despesas e contas a pagar e os gestores devem lutar pelo interesse do bem comum, sem que exista perseguição.

O governador Carlesse destacou: “sabemos o quanto as famílias estão impactadas com a pandemia e a renovação do contrato dará essa tranquilidade para muitos chefes de família em todo o Estado", frisa.

A secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar, afirma que a decisão do Governador provoca um impacto positivo em toda a rede estadual. “São profissionais que conhecem a rede de ensino, receberam formações, conhecem os projetos político-pedagógicos das unidades escolares e a permanência deles fortalece a qualidade do ensino e o atendimento educacional que ofertamos. O ano letivo de 2021 começa na próxima segunda-feira, 3, de forma não presencial, e trabalhar com profissionais que já estão integrados vai ser benéfico para toda a rede", enfatiza.

O governador Carlesse tem evitado a troca do quadro de servidores contratados, prática comum em gestões passadas e vem renovando, de acordo com a demanda das escolas, os contratos dos trabalhadores da rede estadual de ensino, evitando, assim, o desemprego. “É um reconhecimento a estes profissionais brilhantes que se dedicam todos os dias para atender as nossas crianças e ajudar a criar um futuro melhor para o nosso povo”, conclui o Governador.