string(2873) "Ailton Francisco comenta sobre perspectiva política tocantinense e fala sobre Presidente Kennedy - Correio do Bico" Ailton Francisco comenta sobre perspectiva política tocantinense e fala sobre Presidente Kennedy - Correio do Bico

Aguarde, carregando...

Ailton Francisco comenta sobre perspectiva política tocantinense e fala sobre Presidente Kennedy

Por GILVAN BALBINO CALÇADOS

07/06/2021 18:03h

O Correio do Bico entrevistou o ex-prefeito Ailton Francisco da Silva (PP), que falou sobre a sua situação política, perspectivas para 2022, emitiu posicionamento acerca do Município de Presidente Kennedy e do Estado do Tocantins, após cinco meses do seu último mandato.
A entrevista foi concedida ao Portal Correio do Bico, quebrando um silêncio que durou mais de 150 dias, desde que saiu da prefeitura, tempo suficiente para avaliações segundo o ex-prefeito.

Ailton Francisco é Servidor Público de Carreira na Polícia Federal, foi Secretário do Ex-prefeito Raul Filho em Palmas, esteve à frente da Prefeitura Municipal de Presidente Kennedy entre 2013 e 2020, ao terminar o mandato foi convidado para ser Chefe de Gabinete da Senadora Kátia Abreu (PP), no Estado do Tocantins, é o Secretário Geral do Progressistas no Tocantins, atualmente está cursando mestrado em Administração Pública pela Universidade Federal do Tocantins.

O ex-prefeito disse “ter uma satisfação muito grande pelo reconhecimento do trabalho feito em Kennedy e o convite para integrar uma equipe que há 16 anos atua no Senado Federal, prestando relevantes serviços ao povo brasileiro.”

De acordo com Ailton Francisco, após uma avaliação acerca da atuação da Senadora Katia Abreu e devido a forma que foi convidado aceitou o convite da parlamentar para atuar na equipe que atende aos 139 municípios do Tocantins, agora com domicílio eleitoral em Palmas, assumiu a secretaria geral do Progressistas no Estado, é uma das referências em organização política no Tocantins e falou que “possui uma clareza muito particular em relação à disputa do ano de 2022, onde avalia que três grupos poderão disputar as eleições da majoritária estadual, destacando que o grupo dos aliados do Governo poderá lançar o vice-governador Vanderlei Barbosa como candidato à Governador, há ainda os grupos da senadora Katia Abreu com o Deputado Vicentinho Júnior(PL), a Deputada Dorinha (DEM), o Senador Irajá (PSD) com outros parlamentares como opção para o eleitor tocantinense e o grupo do Senador Eduardo Gomes, que faz parte do governo e ao lado do ex-prefeito Ronaldo Dimas poderão fazer parte da disputa” no entanto destacou que “qualquer opinião emitida neste período dada a distância de tempo até o pleito eleitoral é mera especulação.”
Sobre sua aproximação com o Prefeito Batista Cavalcante (PSD) disse “deixei o prefeito muito à vontade para que ele tome as decisões, me abstendo, para que eu não seja uma sombra ou um empecilho à sua administração, inclusive mudando o meu domicílio eleitoral.” Ressaltou ainda que suas “relações pessoais e políticas com o gestor praticamente não existem em decorrência de atitudes que foram tomadas e para não se indispor com ele evitei comentar e o deixei à vontade. Após cinco meses do fim da minha administração comento o assunto, não tenho nada contra o prefeito nem contra a sua administração, no entanto recebo constantes reclamações sobre a sua atuação.”
Sobre os débitos deixados da sua administração o ex-prefeito afirmou que “é uma falácia, eu particularmente não deixei nenhum débito, se há débito na Prefeitura é a prefeitura que tem sua receita mensal que deve ser custeada, eu particularmente como cidadão não tenho débito nenhum no município, a prefeitura em si, tem uma receita e uma despesa e as vezes não é possível você cobrir todas as despesas mensais que foram feitas, até mesmo devido essa questão da pandemia.” Ailton pondera ainda que “Toda a despesa que deixei está registrada contabilmente, todas as despesas estão registradas no Tribunal de Contas. Falam em despesas, mas não falam em receita, deixei mais de R$ 2.500.000,00 (Dois Milhões e Meio de Reais) em conta corrente, mais de cinco obras em execução e obras para serem executadas ainda.”
O ex-prefeito disse ainda que “é muito leviano e de irresponsabilidade tamanha quando você quer justificar a sua incompetência jogando para uma outra pessoa, até por eu ter me abstido de fazer qualquer comentário a respeito disso para que ele ficasse a vontade para executar as ações que ele achasse conveniente.”

Sobre a folha de pagamento Ailton Francisco disse que “o recurso que tem na Prefeitura é dos Munícipes e é com os Munícipes que ele tem que honrar. A folha de pagamento sempre foi paga no dia 10 do mês seguinte, inclusive no mês de janeiro ele recebeu dinheiro suficiente para pagar a folha, desconheço a razão e agora ele deve prestar contas à comunidade de Presidente Kennedy.”
Sobre a sua contribuição para com o Município nos próximos anos o ex-prefeito disse que “entre o Prefeito, a esposa do Prefeito e o filho do Prefeito há a cidade de Presidente Kennedy que tenho enorme carinho e respeito e nada me impede que eu busque recursos para o desenvolvimento do Município. Como Chefe de Gabinete da Senadora irei solicitar que sejam destinados recursos para serem aplicados em obras e ações para a cidade se desenvolver. O prefeito também deve ter habilidade para correr atrás de outros recursos.”
Ailton falou também sobre a atuação da Câmara Municipal e disse estar “preocupado, pois alguns vereadores usam a tribuna da Câmara para buscar holofotes e brilhar, para ter uma visibilidade diferente, quando na realidade deveriam auxiliar o executivo , tem vereador de cinco mandatos que nunca apresentou projetos, são vinte anos, vereador que prefere ser motorista de caminhão para fazer assistencialismo, tem uma vereadora que ninguém sabe onde ela mora, nem em Kennedy, nem Tupiratins, ela está no segundo mandato o único projeto dela é falar mal do ex-prefeito, ela não tem um projeto que beneficie quem quer que seja.” Ponderou também “há outros vereadores que me surpreenderam, como por exemplo o Presidente da Câmara Vereador Fábio Félix (PSD), que tem buscado conversar com a sociedade, com seus pares na procura de soluções para os problemas locais, buscando até recursos para que o Município volte a caminhar de fato sem esse transtorno e sem essa desculpa de que não tem dinheiro. Então vejo outros vereadores que buscam contribuir com o Município.”
Sobre um possível retorno a Prefeitura Municipal de Presidente Kennedy o ex-prefeito disse que “foi muito importante a minha participação, me senti honrado, me senti importante por fazer parte desse pequeno grupo que administrou Presidente Kennedy em diferentes épocas, mas essa possibilidade de retorno não se solidifica, já cumpri minha parte, já estou com idade avançando, já dei minha contribuição. Sou um carregador de Piano, tem outras pessoas, que merecem a oportunidade, como o Dr. Gilvan, o Wesley, tem o Presidente da Câmara Fábio Félix, que tem vontade de ajudar o Município, tem o Silas Oliveira, que ainda é muito jovem, mas irá pegar uma bagagem grande com sua atuação no legislativo, temos vários quadros que podem contribuir com a política.” Finalizou o ex-prefeito.
O espaço está aberto para que as pessoas citadas na matéria possam se manifestar, emitindo seu direito de resposta.